Foi em outubro de 1987, portanto há 30 anos, que a Assembleia Mundial da saúde, com apoio da ONU, decidiu instituir o 1º de Dezembro, como Dia Mundial de Luta Contra a SIDA. Com efeito, a data serve para reforçar a solidariedade, tolerância, compaixão e compreensão com as pessoas infectadas e afectadas pelo HIV/SIDA.
Moçambique foi signatário e iniciou a observação imediatamente. Volvidos 30 anos, à semelhança do mundo inteiro, o País vai observar a data sob lema “Priorizando a Prevenção para acelerar o combate ao HIV/SIDA”.
Em Marracuene, distrito-sede da Kenguelekezé, a data será observada a partir da Localidade de Bobole, com as cerimónias distritais a serem dirigidas pelo governo distrital local. A Kenguelekezé irá tomar parte do evento.